AUDI HUNGARIA MOTOR - Gyõr
Caso de Sucesso Leitz -AUDI HUNGARIA MOTOR - Gyõr

As MMCs Leitz com QUINDOS testam a precisão dos componentes dos motores, nas maiores fábricas do mundo.

Os sinais “Autobahn” já podem ser avistados à uma hora e meia de distância a sudeste da cidade de Viena, anunciando os famosos quatro anéis interligados. Imediatamente uma imagem vem à mente: um esportivo Audi rodando pela espetacular paisagem, abraçando as sinuosas curvas do asfalto montanhoso, tortuoso e perfeitamente pavimentado. Uma parte desta imagem que você está tendo foi criada pela empresa subsidiária AUDI HUNGÁRIA MOTOR Kft., que pode ser encontrada em Gyõr, na Hungria, perto da fronteira com a Áustria. Mais de 1.9 milhões de motores foram produzidos aqui para vários modelos da Audi e da Corporação VW, em 2008. A garantia da qualidade dos complexos motores é, entre outras, medida por um total de 19 máquinas de medição por coordenadas de alta exatidão da Leitz.

Doze Leitz SIRIO, três Leitz Reference, três Leitz PMM, uma Leitz PMM-F – a lista das máquinas de medição por coordenadas que pode ser encontrada nas salas de medição da empresa subsidiária húngara se lê como um artigo de enciclopédia escrito na marca Leitz. O membro mais novo do maquinário Leitz: uma máquina Reference com mesa giratória integrada.

Um pouco menos de 400 variedades de motores são produzidos em Gyõr. Dentre estes estão, por exemplo, os motores R4, conhecidos como Motor Global (Global Engine), um motor turbo FSI de 2 litros. Porém, os pacotes mais poderosos da empresa também são manufaturados aqui: os motores V6, V8 e V10, e agora, mais recentemente, o motor V12 a diesel – que é o coração do modelo Q7. Todos os principais motores são produzidos na Hungria. O universo vai desde os blocos de motores e cabeçotes de cilindros, os vergalhões de pistões até os virabrequins e veios de motor.


No futuro, motores adicionais serão equipados com a nova geração de veios, o Audi Valvelift System (AVS). Este é um novo desafio para a Audi: durante 2008 e 2009, bem como de 2009 a 2011. A Audi duplicará a quantidade da nova geração de veios, não só devido às enormes quantidades a serem produzidas, mas também devido ao fato de que os novos veios são peças muito complexas de manufaturar e requerem um compromisso e desempenho de 100% do funcionário e da máquina. As engrenagens, os cames, as ensambladuras, os entalhes de controle são todos achados em uma única unidade. Atualmente, esta característica de continuados ensaios sequencialmente somente é possível com as máquinas de medição por coordenadas. Os sistemas de medição Leitz atingem estas raras e elevadas exigências os sete dias da semana, em operações de três turnos...

Entre em contato

>> Contatos

Aqui você encontra os contatos de Vendas, Pós-Venda e Suporte para sua região.

» Formulário de Informação Entre em contato usando o Formulário de Informação.


Print Print